O Duque e Eu - Julia Quinn

Título: O Duque e Eu
Autor: Julia Quinn
Páginas: 288
Editora: Arqueiro
SINOPSE: Simon Basset, o irresistível duque de Hastings, acaba de retornar a Londres depois de seis anos viajando pelo mundo. Rico, bonito e solteiro, ele é um prato cheio para as mães da alta sociedade, que só pensam em arrumar um bom partido para suas filhas. Simon, porém, tem o firme propósito de nunca se casar. Assim, para se livrar das garras dessas mulheres, precisa de um plano infalível. É quando entra em cena Daphne Bridgerton, a irmã mais nova de seu melhor amigo. Apesar de espirituosa e dona de uma personalidade marcante, todos os homens que se interessam por ela são velhos demais, pouco inteligentes ou destituídos de qualquer tipo de charme. E os que têm potencial para ser bons maridos só a veem como uma boa amiga. A ideia de Simon é fingir que a corteja. Dessa forma, de uma tacada só, ele conseguirá afastar as jovens obcecadas por um marido e atrairá vários pretendentes para Daphne. Afinal, se um duque está interessado nela, a jovem deve ter mais atrativos do que aparenta. Mas, à medida que a farsa dos dois se desenrola, o sorriso malicioso e os olhos cheios de desejo de Simon tornam cada vez mais difícil para Daphne lembrar que tudo não passa de fingimento. Agora ela precisa fazer o impossível para não se apaixonar por esse conquistador inveterado que tem aversão a tudo o que ela mais quer na vida.
   Olá pessoas do mundo inteiro! Hoje nós vamos falar sobre um livro que me deixou suspirando depois da última página. É muito pouco provável que algum de vocês ainda não tenha ouvido falar da série Os Bridgertons da autora Julia Quinn. Nessa série de 8 livros temos a história de cada um dos irmãos Bridgertons, começando por Daphne Bridgerton em O Duque e Eu.
   O livro é narrado em terceira pessoa e oscila entre os pontos de vista de Daphne e Simon e se passa no século XIX, uma época em que conseguir um bom casamento para os filhos era a grande prioridade dos pais, principalmente das mamães.



   Não é diferente na casa dos Bridgertons. Violet, mãe de Daphne, a arrasta para todos os bailes da alta sociedade londrina afim de arrumar um pretendente digno dela. Daphne está cansada disso e de ser considerada apenas uma amiga pelos bons pretendentes. Ela é linda, inteligente e engraçada. Quer se casar e ter uma grande família, porém, os únicos homens que se interessam em corteja-la são velhos ou tontos como uma porta.
   Simon acaba de retornar á Londres depois de muitos anos viajando pelo mundo e fugindo do seu trágico passado. Ele é rico, lindo, inteligente e ainda por cima tem o prestígio de ser o Duque de Hastings. Ou seja, tem tudo para ser o homem mais cobiçado por todas as donzelas e as mães delas. Porém, tudo o que o duque de Hastings menos quer é se casar. Muito menos ter filhos, longe disso.
   Depois de se conhecerem de forma um tanto quanto inesperada, Simon e Daphne tem um plano: fingirem que tem um compromisso para que a) Simon deixe de ser tão sufocado por todas as mulheres da região e b) Daphne passe a ser cortejada por um bom pretendente. Pois de acordo com os dois, os homens querem o que outro homem quer.
 "Assim, beijá-la se tornou uma questão de autopreservação. Era simples: se não fizesse isso, se não a possuísse, ele morreria. Parecia melodramático, mas naquele instante ele poderia jurar que era verdade. O desejo que se enroscava em suas entranhas acabaria fazendo-o sucumbir."
  Julia Quinn tem uma escrita doce, divertida e inteligente. O Duque e Eu é um romance lindo e com muitas emoções. Já é de praxe que tenha um clichê aqui e ali então podemos imaginar que esse plano dos dois vai resultar em um romance inesperado. Tudo o que Daphne quer é uma família, e é isso o que Simon não pode lhe dar.
   Além disso, no início de cada capítulo há um trecho de matéria do jornal local chamado Crônicas da Sociedade de Lady Whistledown, um pseudônimo que ninguém sabe a quem pertence mas que publica diariamente fofocas de todas as famílias da alta sociedade londrina e me fez rir bastante.
“Dizer que os homens podem ser teimosos como mulas seria um insulto às mulas”. Crônicas da sociedade de Lady Whistledown, 4 de junho de 1813
   O Duque e Eu me fez rir, ficar com raiva de alguns personagens e depois ama-los de novo, se emocionar, surpreender e outros montes de mistos de emoções. A escrita da Julia flui de uma forma sem igual e quando eu vi o livro já estava acabando. Felizmente, ainda restam mais 7 Bridgertons para conhecer, se divertir e se apaixonar.

17 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu tenho muita vontade de começar essa série pois acho o gênero bem bacana, apesar de se tratar de uma série um tanto quanto gorda eu a encararia numa boa. Fico feliz que você tenha amado esse livro e o mês o tenha te feito rir e ficar com raiva ao mês o tenha tempo rsrs. Acho essas capas da arqueiro um arraso, bem diferente das originais que são bem estranhas. Até mais ver
    Bjks

    ResponderExcluir
  3. Nunca li essa série, mas eu tenho o quinto livro que ganhei em um sorteio, não tenho muito interesse em ler romance de época, mas vou acabar dando uma chance essa série que eu só vejo elogios e quem sabe eu acabe gostando. E coitada da Daphne, de quando dar a sorte de encontrar alguém, ele não possui os mesmos desejos que ela. Fiquei curioso para o desfecho que os pombinhos vão ter, e também com esse jornal que parece bem legal para revelar os podres hahahaha
    Trouxa do Livro

    ResponderExcluir
  4. Não li ainda essa série, mas está na meta de 2017, vamos ver!
    Achei divertido os motivos que os fizeram se aproximar, claro que é um final esperado, mas o desenvolvimento até chegar lá deve ser bem divertido.
    Deve ser um romance realmente lindo, espero chegar logo nesse volume.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, já li até o quarto livro dessa série e é de amar essa família e os seus pares.
    Acho que o Duque ainda é o personagem masculino mais apaixonante, fora os da família Bridgerton. rsrsrs
    Lady Whistledown é a cereja, além de deixa um clima de mistério sobre uma mulher que saber tudo. Que será? Eu já sei, então prepare-se para essa revelação.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  6. Oi Carla, tudo bem?
    Eu quero muito conhecer essa série, pois faz pouco tempo que li pela primeira vez um livro de romance de época e agora me sinto ansiosa para conhecer novas histórias. Esse livro tem feito um sucesso enorme entre os leitores do Brasil e se a série conseguiu encantar tanta gente, creio que irei gostar também. O romance que vai surgindo entre os dois deve ser incrível, já que Simon não se pretende se casar, e imagino que ele vai mudando de ideia aos poucos. Espero ler em breve!

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  7. Ahh a Júlia e seus maravilhosos personagens! Amo esse livro e o modo como a mulher é representado aqui. mesmo em um livro de época em que as mulheres não tinham tantos direitos, a Júlia coloca personagens fortes e decididos, com um humor ácido e que me fez dar muita risada. Beijos

    ResponderExcluir
  8. Esse livro também me proporcionou várias emoções quando li. Olha que nem curto romances de época, mas depois de ler agora abro exceção pra Julia Quinn. Achei uma delícia de ler, com humor e romance na medida certa e com personagens mais que cativantes. Me apaixonei completamente pelos Bridgertons.

    ResponderExcluir
  9. Gosto da escrita da autora, realmente é algo doce e delicado de se apaixonar. Os personagens criados por ela sempre nos causam esse amor e essa vontade de entrar dentro da história. Apesar dos romances serem bem clichês, é uma das única autoras que gosto de acompanhar nesse gênero.

    ResponderExcluir
  10. Recebi o livro anteontem e tô muito ansiosa pra começar essa leitura. Ler essa série na ordem certinha e conhecer todos os irmãos. Espero gostar como você!
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Carla

    Amo essa série com todo meu coração. Meu preferido era justamente esse, mas estou terminando o quarto livro, que roubou o primeiro lugar! Hahaha
    Espero que você aprecie os próximos livros!

    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Olá Carla,
    Já li até o quarto livro dessa série e estou louca para concluir ao mesmo tempo que tenho medo, sabe?
    Gostei de conhecer suas impressões e elas são parecidíssimas com as minhas, principalmente, por achar a escrita da Julia Quinn inteligente.
    Espero que os próximos livros te agrade.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Meu primeiro contato com a Julia Quinn foi través desse livro e eu fiquei mega emocionada com a leitura. Os irmãos Bridgerton são de uma família linda e sem comparação.
    Amei a sua resenha e espero que você goste dos outros livros da série.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  14. Oie
    muito legal a sua resenha, não é o meu estilo de livro mas sempre vejo tantos elogios que bate a curiosidade, o enredo está lindo, gostei da dica

    beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Carla, tudo bem?
    Eu não curto muito romance de época, mas uma amiga adora essa trilogia e recomenda bastante. Porém, mesmo eu não gostando do gênero que muito dar uma chance a essa série por conta das críticas positivas.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Nunca li livros de época, mas sempre me deparo com resenhas de livros assim. Os livros da Julia Quinn sempre aparecem nessas resenhas e sempre são muito bem recomendados. Talvez eu dê a oportunidade para ela me mostrar esse lado da literatura.
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    Acho que sou a única pessoa da Terra que não leu esses livros ainda, e olha que tenho eles aqui em casa! fico feliz em ver que você gostou dele e que recomenda. Estou bem ansiosa para conhecer a história dessa família que todos fama tão bem. Ótima resenha!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir